Ana Tomich Design de Joias

Designer de Joias Personalizadas

Fale comigo

Acompanhe no Instagram

Faça parte dos queridinhos da Ana Tomich!




5 dicas de como escolher joias para bebê

Bebella – Foto por https://www.instagram.com/sorella.fotografia/

Eu sempre falo sobre a importância que uma joia tem para marcar um momento especial nas nossas vidas, não é? Assim como uma união, o nascimento é uma dessas ocasiões que sempre encherão nossos olhos de água e o coração de amor. Por isso, a data merece algo que simbolize todos esses sentimentos, e daí a ideia de presentear a criança com as joias para bebê.

É preciso ter muita atenção ao escolher essas peças que fazem a cabeça das mamães, madrinhas e titias de plantão. Isso porque os recém-nascidos e as crianças são muito frágeis e, ao adquirir suas joias, é preciso seguir algumas orientações para a proteção dos pequenos.

Pronta para pegar essas dicas e acertar na escolha da joia que acompanhará o seu bebê por toda a vida? Então, vamos começar!

Como acertar na escolha das joias para bebê?

O mais importante é escolher uma joia indicada para bebê. Parece meio óbvio, mas pode acontecer de ser apenas uma peça pequena que faça parte de uma coleção para adultos. Por isso, tenha certeza do que você está adquirindo e tire suas dúvidas com um profissional especializado. 

Lembre-se de que todas as joias para bebê devem ser de ouro para evitar alergias, e não devem ter nenhuma garrinha que possa se prender a fios de cabelo ou em roupas.

Quais são as opções de joias?

1. Brincos

As princesas ficam lindas com pequenos brincos! Além das opções tradicionais, em formato de bolinha, você também pode escolher uma que tenha um toque de brilho, com uma pedra preciosa.

E fique de olho, pois o indicado para brincos, por exemplo, é que a peça tenha 1,5 mm para recém-nascidos e 2 mm para bebês de dois a quatro meses. As tarraxas também precisam ser diferentes das de adultos, pois elas não podem apertar a orelinha e nem ficar encostando no pescoço da criança.

Além disso, é extremamente importante procurar por um profissional habilitado e com experiências em perfurar orelhas de crianças, ok?

2. Pulseiras

As pulseirinhas são peças unissex, que ficam muito fofas tanto em meninas quanto em meninos. Mas atenção, independentemente de qual seja o sexo do bebê, as peças precisam ser delicadas e proporcionar conforto para os pequenos.

3. Escapulários

Os escapulários são joias religiosas muito clássicas, e podem ser ótimos presentes para o batizado! Essa também é uma peça unissex, e, certamente, será um presente bem especial.

4. Berloques

Que tal escolher um berloque? A ideia é diferente — e as mamães também podem ter o seu! Nele você pode colocar um elemento que tenha uma representação importante para a família.

5. Broches

Os broches também são opções clássicas que ficam lindas presas à manta dos pequenos e serão recordações para a vida toda! Eles podem ser utilizados em ocasiões especiais e, quando o bebê for para o berço ou estiver brincando, por medida de segurança, o acessório deverá ser retirado — enquanto a peça não estiver em uso, você pode deixá-lo como um lindo enfeite na decoração do quarto.

Como cuidar das joias para bebê?

As joias para bebê podem se tornar uma herança de família, desde que os pais, nesse primeiro momento, cuidem bem delas — e as orientações são as mesmas para as joias de adulto. Por isso, não deixe que elas entrem em contato com produtos químicos, faça limpezas periódicas com um profissional e evite que as crianças entrem em piscinas com as peças.

Além disso, na hora de guardar os acessórios, deixe-os em um local seco e envoltos em um pano próprio para as joias. Ah, e nunca guarde mais de uma peça junta, pois elas podem se arranhar.

Tomando todos os cuidados e escolhendo a joia que você mais gosta, não tem como errar na hora de presentear os pequenos. Afinal, os bebês merecem uma joia tão delicada, que simbolize todo o amor que eles despertam na família!

Gostou das nossas sugestões? Compartilhe em suas redes sociais estas dicas sobre como escolher as joias para bebê. Quem sabe você não ajuda outras mamães por aí!!

Gostou? Comente abaixo: