Ana Tomich Design de Joias

Designer de Joias Personalizadas

Fale comigo

Acompanhe no Instagram

Faça parte dos queridinhos da Ana Tomich!




Banho de ródio: entenda o que é e para que serve


O ródio é um metal nobre que pertence à família da platina. Sua coloração está entre o prata e o branco. Este elemento é bastante resistente à corrosão e super raro na natureza, difícil de ser encontrado.

É bastante usado para dar um acabamento refinado em certos tipos de joias, no procedimento que chamamos de banho de ródio. Você já ouviu falar nele? Será que está na hora de presentear sua joia com um acabamento rodinado?

No post de hoje, vim explicar para você o que é o banho de ródio e para que ele serve. Para entender quais são os benefícios de passar sua joia por esse procedimento, continue comigo até o final! Vamos lá!

O que é o banho de ródio?

Peças em ouro branco sem banho de ródio

O banho de ródio, ou acabamento rodinado, consiste na aplicação de uma camada deste metal em uma joia, por meio de um processo químico chamado de galvanoplastia. Esse processo é realizado em peças de ouro branco ou de prata, e a camada aplicada à joia pode ser mais grossa ou mais fina.

Para que ele serve?

Quem tem joias sabe como, ao longo do tempo, vários fatores (como clima, a frequência de uso, as substâncias com as quais entramos em contato) começam a causar efeitos indesejados em nossas peças.

Solitário em ouro branco com banho de ródio.

Solitário em ouro branco com banho de ródio.

É aí que entra a incrível ação do banho de ródio: por ser um metal super resistente, quando banhamos uma peça nele, isso confere uma camada extra de proteção a ela. Esse processo ajuda a minimizar os efeitos do tempo e do uso na sua joia, além de evitar e retardar o aparecimento de manchas e arranhões.

Mas, atenção! Essa técnica não vai “blindá-la” completamente, impedindo que ela sofra qualquer tipo de avaria. Isso vai apenas prevenir que esses danos aconteçam com facilidade. Por isso, é sempre indicado que você evite usar suas joias ao lidar com produtos químicos ou ao realizar atividades manuais mais pesadas.

 

Qual é sua durabilidade?

Comparativo de alianças em ouro branco, sem ródio e com ródio.

A durabilidade do banho de ródio vai depender, majoritariamente, de dois fatores: da espessura da camada do metal na joia e da frequência de uso da peça. A lógica é simples: se a camada for um pouquinho mais espessa, ela vai demorar um pouco mais de tempo para se desgastar.

Quanto à frequência de uso, o raciocínio é o mesmo — caso seja uma joia que você usa com muita regularidade, ela estará mais exposta. Por conta disso, vai entrar em constante contato com outros materiais e substâncias, desfazendo-se mais rapidamente. Já em joias usadas apenas em ocasiões específicas, o banho de ródio será sim bastante duradouro.

Solitário em ouro branco com banho de ródio.

Solitário em ouro branco com banho de ródio.

A média da durabilidade é de 01 ano e meio para as peças que você usa no dia a dia, e de cerca de 03 anos para aquelas que passam mais tempo guardadas. Quando o acabamento rodinado começar a perder sua força, você pode repetir o procedimento. Ao fazer isso, lembre-se de pedir à sua profissional joalheira que remova todo o banho anterior, ok?

Quais os benefícios do banho de ródio?

As propriedades desse metal permitem que, além de conferir resistência à joia, ela apresente um acabamento incrível, já que uma das características desse metal é seu brilho intenso. Outro benefício super interessante, e que poucas pessoas conhecem, é o seu uso em peças de ouro branco. O ouro branco tem um tom naturalmente amarelado, portanto, ao passar a sua joia por um banho de ródio, ela adquire um novo tom prateado e bastante brilhoso!

Solitário em ouro branco com banho de ródio.

Solitário em ouro branco com banho de ródio.

O que você achou dessa técnica? Ficou com alguma dúvida sobre o procedimento? Conte para mim nos comentários!

Gostou? Comente abaixo: