Ana Tomich Design de Joias

Designer de Joias Personalizadas

Fale comigo

Acompanhe no Instagram

Faça parte dos queridinhos da Ana Tomich!




Entenda tudo sobre joias de ouro branco

As joias de ouro branco provocam suspiros em muitas mulheres, isso é fato. Mas mesmo as apaixonadas pelo tom prateado podem ter dúvidas sobre o uso desse metal, que é tão queridinho entre os anéis de noivado e uma linda opção para as alianças!


Quer ter certeza de que essa é tonalidade da sua próxima peça e pretende saber mais sobre esse nobre elemento das joalherias? Então, continue conferindo este artigo, pois vou explicar tudinho!

Como surgiram as joias de ouro branco?

Bem, nós amamos ver os diamantes combinados com o ouro branco, não é? Mas nem sempre foi assim. Essa linda composição entre materiais nobres, inicialmente, não contava com o ouro branco, mas sim com outro metal prateado, a platina. Apesar do sucesso do uso da platina em joias, esse é um material muito raro e, consequentemente, apresenta um alto valor. E, por causa disso, ele foi substituído pelo ouro branco.

O que é o ouro branco?

Mas, afinal, o que é ouro branco? Pois quando pensamos nesse nobre elemento, logo de imediato imaginamos barras douradas, não é? E isso não está errado! Para que você entenda aonde quero chegar, primeiro preciso explicar alguns detalhes sobre ligas metálicas.

O ouro, em seu estado puro, de 24K, é muito frágil e pode ser amassado com facilidade, o que compromete o delicado trabalho do joalheiro e a durabilidade da peça. Para corrigir essas características, são misturados a ele pequenas quantidades de outros metais.

Ao criar o outro amarelo, por exemplo, ele é misturado ao cobre. Já, no caso do ouro branco, ele é adicionado ao paládio, prata, platina ou níquel. Para ilustrar melhor, geralmente, as proporções são de 75% de ouro 24K + 25% de paládio, resultando em ouro branco com 18K — a pureza de 75% de ouro é equivalente a 18K. Para finalizar o processo, o metal é submetido ao banho de ródio.

Esse metal combina com você?

Assim como qualquer outro metal, o ouro branco possui algumas peculiaridades. Portanto, para garantir que as joias de ouro branco sejam a melhor escolha para você, é preciso considerar alguns pontos!

Preferências

Nem todo mundo gosta do tom dourado. Se esse é o seu caso, o ouro branco é a melhor opção para joias, inclusive alianças de casamento. Para aqueles que não abrem mão da tradicionalidade nos anéis de compromisso, uma ótima solução é combinar os dois tons de ouro na mesma peça.

Manutenção

As peças de ouro branco demandam mais cuidados que as de ouro amarelo, e você precisará fazer uma manutenção, mas não é nada para se preocupar! O que acontece é que o ouro branco de 18K é levemente amarelado — em um tom muito bonito, aliás! Porém, não é possível adicionar uma porcentagem maior que 25% de metais brancos para que ele fique com o prateado que você conhece, pois isso resultaria em um ouro de baixo teor de pureza, abaixo dos 18K.

Para alterar esse detalhe na cor e garantir o prateado dos seus sonhos, é feito um processo chamado banho de ródio. E é esse acabamento que precisa de manutenção. Sendo assim, quando for necessário, um novo banho é feito na peça, e ela ganha seu brilho de volta! Vale lembrar que também é possível criar belos elementos de ouro branco sem o banho de ródio. Resultando em uma peça com efeito diferenciado.

Investimento

Diferentemente do que muitas pessoas pensam, joias de ouro branco têm um valor mais alto do que o ouro amarelo. Isso acontece pela quantidade de metais brancos e do banho adicionados à liga. Por isso, investimento é algo a se considerar!

Você imaginava que o ouro branco era obtido dessa forma? Espero que você tenha gostado de saber sobre esse metal e como ele pode fazer parte dos seus momentos especiais em formato de belíssimas peças!

Agora que você sabe tudo sobre joias de ouro branco, não deixe de nos seguir no Facebook e Instagram para ficar por dentro desse universo precioso!

Gostou? Comente abaixo: